Fedora Workstation Edition 32 - Beta

Novidades

  • GNOME Shell 3.35
  • Kernel 5.6.0

  • Java OpenKDK: Pré-instalado na versão 8, mas com as versões 11 e 13 disponíveis

  • GCC 10.0.1

  • EarlyOOM

    • O pacote earlyoom já vem instalado no Fedora 32 Workstation Edition.
    • Se o sistema atingir 90% do uso tanto da memória RAM quanto da SWAP, o OOM (Out of Memory Killer) mandará sinal SIGTERM para terminar os processos que estejam com o maior score no OOM.
    • Se o sistema atingir 95% do uso tanto da memória RAM quanto da SWAP, o OOM mandará sinal SIGKILL para terminar os processos que estejam com o maior score no OOM.
    • Se quiser saber mais sobre SIGTERM e SIGKILL, clique aqui.
  • fstrim.timer habilitado por padrão

    • Isso faz com que o fstrim.service seja executado semanalmente, o fstrim.service descarta blocos sem uso nos blocos físicos e virtuais presentes no fstab.
  • LLVM 10: Todos os sub-projetos LLVM foram atualizados para a versão 10.

  • Reinício de serviços ao fim das transações com rpm.
  • Remoção do Python2

    • Apesar de remover todas as dependências do python 2, o Fedora ainda vai prover o pacote python27 para desenvolvedores que necessitarem dessa versão.
  • Migração da plataforma de tradução do sistema para o Weblate (isso me agradou bastante)

  • O Firewalld agora vai usar o nftables, e não mais o iptables, como backend.

Essas foram as novidades que eu destaquei, mas existem muitas outras mostradas na página de changeset do Fedora 32.

O uso do sistema

O GNOME Shell 3.35 - que é a versão de desenvolvimento com o objetivo de se tornar a versão estável 3.36 - está muito mais responsivo que a versão 3.34. Pude notar a diferença em meu notebook modesto, que usei de propósito para ver as melhorias. O sistema está rodando bem no meu notebook, com as seguintes especificações:

  • Modelo: ASUS Vivobook X202
  • Processador: Intel Celeron 847 Dual Core de 1.1GHz
  • RAM: 2GB DDR3
  • Armazenamento: SSD M2 de 128GB
  • Placa de vídeo: Intel® HD Graphics 2000 (SNB GT1)

Para que o sistema fique mais responsivo, farei uma otimização em outro post, mas sem desativar recursos como relatório de erros, para não prejudicar o objetivo dos testes, que é reportar bugs para os desenvolvedores. Vou fazer somente algumas otimizações no GNOME Shell e nas configurações de uso de swap e cache (por causa da quantidade limitada de RAM), além de remover alguns serviços não essenciais e alguns recursos do GNOME Shell. Mas, no momento, não desativei nem as animações, mas estou usando bastante swap (o dobro da RAM) para garantir um uso razoável.

Alguns programas instalados por padrão

LibreOffice na versão 6.4.0.3

Firefox na versão 72

O Fedora Workstation 32 não vem com tantos programas instalados, e alguns são dispensáveis para mim, como o programa de meteorologia.

Programas instalados por mim

  • Telegram Desktop - baixei do site desktop.telegram.org
  • Audacity Freeworld do rpmfusion free
  • Simplescreenrecorder para gravar screencasts
  • KDEnlive para edição de vídeos
  • Geany para edição de código
  • Vim para edição de textos
  • Git
  • Curl para baixar coisas pelo terminal
  • youtube-dl para baixar playlists convertendo em mp3
  • Remmina para acesso a servidores remotos via RDP e SSH
  • Inkscaoe e GIMP para trabalhos gráficos
  • RetroArch para emular SNES e Mega Drive - via Flatpak
  • Spotify Client via Flatpak
  • Flameshot para screenshots
  • gnome-shell-extension-appindicator para ter os ícones na bandeja do sistema
  • GNOME Tweaks para personalizar coisas que as configurações do GNOME não permitem
  • Epiphany Browser - meu navegador predileto

Vou reportar qualquer novidade sobre o uso do Fedora 32 aqui no fórum, mas, até o momento presente, o uso tem sido bom, mesmo tendo apenas 2GB de RAM.

Até a próxima, pessoal.

Comentários

  • Fala Leandro, blz?

    Cara vou ajudar a testar o FW32

    Encontrei um bug estranho, e acredito precisar de ajuda para reportar.

    As configs da minha máquina são:
    Lenovo Thinkpad T440p
    -Core I7-4800MQ
    8Gb Ram DDE3
    Teclado retroiluminado (isso pode ser relevante)

    Uso também a dockstation com um monitor FHD e teclado e mouse externos

    Vamos â descrição do acontecimento.
    Fiz a instalaao do Fedora sem problemas com o note conectado na dockstation e transmitindo a imagem diratamente pelo monitor externo, sem qualquer ripo de problema. Fiz o primeiro login e criri o usuário sem problemas e depois disso, após logar no desktop, fiz um dnf upgrade no terminal. Tudo ocorreu sem o menor problema.
    O problema ocorre após eu retirar o notebook do dockstation e tentar iniciar normalmente usando seu teclado e o monitor do notebook.
    Após ligar, ele fica com a tela congelada, antes mesmo de mostrar o status de inicialização. Nesse estágio, talv-ez tenha alguma coisa haver com o grub ou com o teclado do notebook, já que tentando instalar diretamente pelo notebook, o a instalação congela quando está carregando o módulo do teclado, aparentemente.

    Caso possa ajudar ficarei grato.

    Sou recém chegado ao Fedora mas estou interessado em ter essa distro como minha principal por um tempo.

    Obrigado.

  • A expectativa para essa versão está muito boa!

  • @user_JJ infelizmente eu não faço ideia do que possa ser isso. Mas vou consultar os nossos colegas. Abraço.

Entre ou Registre-se para fazer um comentário.