[TUTORIAL] FSTAB - Inicialização de discos/partições no sistema

Guirra
editado janeiro 21 em Tutoriais

Entendendo o FSTAB

O FSTAB (do inglês FIle Systems Table) é um arquivo do sistema, o qual lista todos os discos e diz a forma que aquele disco/partição será iniciado ou integrado junto com o sistema.

Cada configuração é descrida em uma linha e coluna, formando uma tabela.
Dai que vem o "TAB" do FSTAB.

O /etc/fstab contém os seguintes campos divididos por tabulações ou espaços.

Primeiro campo:

É utilizado para determinar o disco/partição. Existem 2 formas para determinar o disco/partição. Uma forma é pela UUID (do inglês Universally Unique IDentifier) e a outra forma é pelo caminho do disco.

Segundo campo:

É utilizado para determinar o diretório que o disco/partição será montado.

Terceiro campo:

É utilizado para determinar o sistema de arquivos.

Quarto campo:

É utilizado para definir as opções que serão utilizadas no disco/partição.
Ex: montar automaticamente, montar somente para o usuário X.

Opções:

auto - sistema de arquivos será montado automaticamente na inicialização ou quando o comando 'mount -a' é emitido.

noauto - o sistema de arquivos é montado apenas quando você permite.

exec - permite a execução de binários que estão naquela partição (padrão).

noexec - não permite que binários sejam executados no sistema de arquivos.

ro - montar o sistema de arquivos somente para leitura.

rw - monta o sistema de arquivos para leitura e gravação.

sync - I / O deve ser feito de forma síncrona.

async - E / S deve ser feito de forma assíncrona.

flush - opção específica para que o FAT libere os dados com mais frequência, fazendo com que as caixas de diálogo de cópia ou barras de progresso permaneçam ativas até que as coisas estejam no disco.

user - permite que qualquer usuário monte o sistema de arquivos (implica noexec, nosuid, nodev, a menos que seja substituído).

nouser - permite apenas que o root monte o sistema de arquivos (padrão).

defaults - configurações de montagem padrão (equivalente a rw, suid, dev, exec, auto, nouser, async).

suid - permite a operação dos bits suid e sgid. Eles são usados ​​principalmente para permitir que os usuários em um sistema de computador executem executáveis ​​binários com privilégios temporariamente elevados para realizar uma tarefa específica.

nosuid - bloqueia a operação dos bits suid e sgid.

noatime - não atualiza os tempos de acesso do inode no sistema de arquivos. Pode ajudar no desempenho.

nodiratime - não atualiza os tempos de acesso do inode do diretório no sistema de arquivos. Pode ajudar no desempenho. Você não precisa habilitar esta opção se já habilitou o noatime .

relatime - atualiza os tempos de acesso do inode relativos para modificar ou alterar o tempo. O tempo de acesso só é atualizado se o tempo de acesso anterior for anterior ao tempo de modificação ou alteração atual (semelhante ao noatime, mas não interrompe o mutt ou outros aplicativos que precisam saber se um arquivo foi lido desde a última vez que foi modificado ) Pode ajudar no desempenho.

Quinto campo:

É usado pelo utilitário de "dump" para decidir quando fazer um backup. Quando instalado, o dump verifica a entrada e usa o número para decidir se o backup de um sistema de arquivos deve ser feito.

Sexto campo:

É utilizado para o fsck lê o número pass e determinar em que ordem os sistemas de arquivos devem ser verificados.

Como montar um disco/partição na inicialização do sistema?

Para montar um disco/partição junto com a inicialização do sistema é bem simples!

1- Descubra qual a UUID ou dispositivo do seu disco.

Para descubrir a UUID ou o dispositivo do seu disco/partição basta usar o seguinte comando:

$ sudo blkid

A UUID da partição /dev/sda8 é : 47CC59EE5A7305C5
/dev/sda8 é a partição do dispositivo /dev/sda.

2- Faça um backup do arquivo /etc/fstab. (OPCIONAL)

Se haver algum problema com a reconfiguração do arquivo /etc/fstab, basta substituir o arquivo com erro pelo backup.

a. Copie o arquivo original.

Via terminal:

$ cp /etc/fstab /home/user/

Obs: se quiser fazer pela interface basta ir para a pasta / , depois a pasta etc e depois procure pelo arquivo fstab.

Copie e coloque no local que deseja salvar!

3- Coloque as informações na tabela do FSTAB.

Abra o arquivo e utilize o editor de texto que preferir.

a. Coloque o dispositivo que deseja utilizar.

Se você optou pela UUID como identificador, coloque (UUID=) e depois o valor da UUID.
Ex: UUID=7cca8f91-5d36-4148-a2a1-37a68a6c1a9b

No meu caso eu utilizei o caminho do dispositivo.
/dev/sda8

b. Insira o diretório que deseja montar o disco/partição.


Diretório que coloquei : /home/Guirra/Guilherme

c. Coloque o sistema de arquivos da partição:


Nesse caso eu utilizei (NTFS).

d. Insira a opção de montagem que deseja.


Eu utilizei a opção padrão de montagem. (defaults)

e. Inserir parâmetro de Backup


Como não quero fazer um backup, eu coloquei (0) como parâmetro.

f. Inserir parâmetro de verificação.


Não quero nenhum tipo de verificação, então utilizei o parâmetro (0)

Se você não ta nem ai para o tutorial e só quer iniciar o disco junto com o sistema, faça o seguinte:

Coloque essa linha no fstab:

/dev/sda               /home/user                    ntfs    defaults        0 0

Mude o /dev/sdx ou UUID para o do seu disco/partição e o diretório que deseja montar.

Fonte:
https://wiki.debian.org/fstab

Entre ou Registre-se para fazer um comentário.